2

 

É DIFÍCIL MUDAR um país onde o povo se preocupa mais quando ele cai no ranking mundial de futebol do que pelo fato de ser o penúltimo no ranking da educação*.

Eu, porém, insisto em acreditar que podemos mudar o que está aí. Mas a mudança tem que começar dentro, na cabeça do brasileiro. Temos que seguir o conselho, “Em vez de reclamar, faça algo para consertar”. Se cada um acreditar e fizer um pouco para melhorar em vez de só ficar maldizendo o Brasil e o brasileiro, já será um grande progresso. Progresso que, é claro, só pode começar com a ordem na maneira de pensar.

Acorda, Brasil… quer dizer, brasileiro.

*O Brasil é atualmente 1º no ranking da FIFA e 35º no ranking da educação entre 36 países, à frente apenas do México.

 

Veja também:

Cadastre-se nesse blog e seja avisado de novos posts…

Compartilhe!


Envie para um amigo por :