EI! Não vá ainda

Fique por dentro de todo nosso conteúdo.

Aproveite também e assine nossa newsletter
para não perder mais nada.

Quase no final... Precisamos confirmar o seu endereço de e-mail.
Para concluir o processo de assinatura, clique no link existente no e-mail que
acabamos de enviar para você.

Os dois únicos lugares onde TODOS creem em Deus


  • Os dois únicos lugares onde TODOS creem em Deus

    Os dois lugares onde todos creem em Deus são no céu e no inferno. Somente na terra é que há quem duvide. Há uma razão por isso.

    O oposto do quente é o frio; o da luz é a escuridão; mas o oposto da fé não é a ausência da fé. É a dúvida.

    Paulo, veemente perseguidor dos cristãos que se tornou grande promotor da fé em Jesus, disse:

    Porque, se o Evangelho que anunciamos está escondido, está escondido somente para os que estão se perdendo. Eles não podem crer, pois o deus deste mundo lhes cegou a mente, conservando-a na escuridão. Ele não os deixa ver a luz que brilha sobre eles, a luz que vem da boa notícia a respeito do brilhante sucesso de Cristo, o qual nos mostra como Deus realmente é.

    Isso quer dizer que há uma ação oposta ao desenvolvimento da fé em Deus neste mundo. Esta ação não se preocupa em extinguir a fé das pessoas, mas apenas em semear a dúvida na mente delas. Note que essa semeadura acontece na mente das pessoas. Pois a fé em Deus provêm da mente, da inteligência, e não do coração (não dos sentimentos).

    Tudo o que essa força oposta faz é estimular dúvidas na mente, entre elas:

    • Será que Deus existe mesmo?
    • Se Ele existe, por que há tanto sofrimento no mundo?
    • E se a Bíblia é só um monte de histórias para enganar e controlar as pessoas?
    • A Ciência já explicou a origem da vida. Não somos todos descendentes dos chimpanzés, um simples acidente?

    E por aí vai. O interessante é que essas dúvidas fazem as pessoas se sentirem superiores, mais inteligentes do que quem crê em Deus, por estarem questionando as coisas. E realmente, é inteligente questionar. Mas não é inteligente parar de questionar.

    Os realmente inteligentes buscam sinceramente as respostas a essas perguntas e dúvidas, ouvem os dois lados, testam as teses, e só então tiram as próprias conclusões. Deus não tem medo de perguntas. Afinal, foi Ele quem nos deu a habilidade de questionar.

    Mas o que esta ação do mal faz nos incrédulos é simplesmente semear a dúvida, e uma vez ela instalada, os impede de continuar buscando a verdade.

    Você já buscou entender, de verdade, “a luz que vem da boa notícia a respeito do brilhante sucesso de Cristo, o qual nos mostra como Deus realmente é”?

    Há uma luz que vem de entender o Evangelho (que quer dizer “boa notícia). Se você ainda não procurou entender o que ele apresenta, sua mente segue no escuro da dúvida e da ignorância. E para alguém inteligente, isso não é uma opção.

    Não espere chegar o dia e o lugar onde a nem a fé nem as perguntas serão mais necessárias, pois a existência de Deus será tão óbvia quanto a sua própria. Será tarde demais.

     

    P.S. O Evangelho de João, na Bíblia, foi escrito para apresentar ao mundo a boa notícia a respeito do brilhante sucesso da pessoa do Senhor Jesus. Para buscadores da luz, uma excelente meditação. Que tal tirar 20 minutos por dia, pelos próximos 21 dias, para embarcar nessa busca? Saiba como fazer o Propósito de João aqui.

     

Acesse também

Free WordPress Themes, Free Android Games