Blog

Às vezes, nem eu sinto vontade de orar — e eu sou um bispo. É normal. O ser humano é muito inconstante. Um dia você sente que pode conquistar o mundo. No dia seguinte, você nem quer estar no mundo.

Sentimentos. Se vivermos por eles, estamos perdidos.

Graças a Deus há uma alternativa: Fazer o que temos que fazer, e não o que sentimos vontade de fazer.

Quando não sinto vontade orar, o que faço é o seguinte: oro assim mesmo! E observo que, assim como muitas coisas na vida, uma vez que você começa a fazer algo, o sentimento vem em seguida. Moção precede emoção. Às vezes eu não sinto vontade de comer. Mas quando começo, quero comer mais … Tive que começar a escrever este blog antes de sentir vontade de escrever. Eu odeio escrever. Mas adoro ter escrito.

Creio que você já pegou a ideia.

O principal é ter bem resolvido em sua cabeça que você absolutamente PRECISA orar. Não é uma opção. Claro que para muita gente é uma opção (porque eles não sabem o que estão perdendo), mas não para você. As consequências seriam muito piores do que o pequeno esforço que você faz para orar.

Talvez você não tem falado com Deus ultimamente. Não tem sentido vontade. Sem problema. Você está sozinho aí agora? Pode ir a algum lugar privado? Então pare de ler isso e faça uma oração. Dois minutos ou vinte — não importa. Diga o que você tem a dizer e pronto.

Depois volte aqui, e adicione seus comentários sobre como você se sentiu depois de fazer isso.

Vai. Agora! Ainda está aí?

Colaborou: Cristiane Cardoso

Participe! Deixe seu comentário sobre este post