Não escolhemos vir ao mundo, mas temos o direito de escolher onde viver a eternidade.

Blog

Fogueira Santa

Não é para qualquer um.
Na verdade, muitos têm se apresentado.
Alguns aventureiros, outros curiosos e ainda outros, como jogadores, tentando a sorte.

Mas, a rigor, o sacrifício exige fé.
Fé que peneira todos e seleciona alguns poucos.
Poucos escolhidos. Melhor, poucos escolhidos por si mesmos.

Por quê?
A Fogueira Santa é um ato puramente de fé.
Quem crê, vai. Quem não crê, fica.
Quem crê e quem não crê?
A atitude de cada um demonstra se creu ou não.

Do meu ponto de vista, os que se escolhem são tocados pelo Espírito Santo e agem a crença.

Esse toque Divino, naturalmente, se deu por conta da intenção do coração conhecido por Deus.

Como se excluir quando se é tocado por Deus? Impossível.
Os excluídos não foram tocados e por isso não agiram a fé.
E não se pode julgá-los de covardes.

Dos 32.000 homens chamados por Gideão, 10.000 desceram às águas. Eram covardes? Não. Aventureiros? Também não. Aparentemente, estavam dispostos a dar a vida pela pátria.

Porém, Deus, que conhece mentes e corações, achou por bem separar apenas 300.
O Senhor Jesus também chamou 12 apóstolos. Mas um se excluiu.

O fato é: as promessas Divinas são para todos os povos e nações. Porém, nem todos creem. E é justamente aí que há a separação.

O profeta Isaías pergunta: “Quem creu em nossa pregação?”.
Em outras palavras: Quem crê que as promessas feitas no Monte Sinai são para hoje também?
Quem crê que o sacrifício da fé funciona?
“E a QUEM FOI REVELADO o braço do Senhor?” Isaías 53.1

Participam da Fogueira Santa apenas os revelados. Isto é, os revelados pelo Espírito Santo.
Ninguém pode ou deve convencer ninguém a participar, senão o Próprio Deus.

Sejam todos abençoados em o Nome do Senhor Jesus!

Bispo Edir Macedo
Bispo Edir Macedo

Participe! Deixe seu comentário sobre este post

Você sabia que também pode receber as mensagens do meu blog por e-mail? Preencha abaixo: