Não escolhemos vir ao mundo, mas temos o direito de escolher onde viver a eternidade.

Blog

A nação que nasce de você

…de ti farei uma grande nação. Gênesis 12.2

Essa foi a promessa feita por Deus para Abraão, a fim de levar adiante o plano de Salvação da humanidade. A partir daquele único homem, surgiria uma nação especial, separada para o nascimento do Salvador, o Senhor Jesus. E Abraão cooperou para que isso fosse possível. Ainda hoje, depois do sacrifício de Seu Filho, Deus continua contando com a cooperação de homens e mulheres dispostos a ajudarem nesse plano. E, assim como a nação nascida de Abraão cooperou para que ele fosse bem-sucedido, a nação nascida de nós também deve cooperar.

Sim, de cada pessoa nasce uma nação. Todos os seres humanos influenciam e inspiram muitos outros a sua volta, plantam pensamentos, ideias, espalham opiniões. O problema é que tipo de conteúdo estamos espalhando por aí, e que nação está surgindo a partir de nós.

Esaú fazia parte da nação eleita por Deus, mas, por causa do seu desvio interior, acabou se separando dela, e gerou uma nação rejeitada por Deus. Ele tinha tudo para cooperar com o plano de Salvação – o sangue, a primogenitura, a coragem, a admiração do pai –, menos a fé. Esaú não gerou uma nação eleita por Deus porque ele mesmo não era eleito por Deus. Ao contrário de Jacó, que teve seu novo nome, Israel, usado para identificar o povo que Deus havia separado.

Da mesma maneira, muitos têm tudo para cooperar com o plano de Salvação – estão em uma igreja guiada pelo Espírito Santo, convivem com pessoas de Deus, têm boa reputação, títulos, responsabilidades – mas não têm mais a fé nem a visão de ganhar almas. Por isso, desviam-se do foco e começam a pensar em si mesmos. Daí, abrem novas igrejas e chamam pessoas para irem com eles. Deixam de fazer parte da nação eleita para constituir uma nação rejeitada. O pior de tudo é que geram pessoas com o mesmo desvio que há dentro deles, uma grande multidão que, ao invés de cooperar para o plano de Deus, acaba por atrapalhá-lo.

Nós só conseguimos gerar aquilo que nós somos. Que tipo de nação está nascendo a partir de você? Ela está cooperando para que o Plano de Deus seja bem-sucedido ou malsucedido?

Farei uma aliança entre Mim e ti e te multiplicarei extraordinariamente. Gênesis 17.2

Se o Espírito de Deus Se encarrega de multiplicar as nações nascidas dos Seus filhos, o diabo também se encarrega de multiplicar as nações nascidas dos seus.

Bispo Edir Macedo
Bispo Edir Macedo

Participe! Deixe seu comentário sobre este post

Você sabia que também pode receber as mensagens do meu blog por e-mail? Preencha abaixo: