Não escolhemos vir ao mundo, mas temos o direito de escolher onde viver a eternidade.

Blog

Sinal de Deus

O uso de aliança não significa, necessariamente, lealdade no casamento.
Significa, apenas, compromisso assumido com alguém.

Mas para os que prezam a honra, a lealdade faz parte de seu caráter. Tão importante que fazem questão de jamais removê-la do dedo.

Quaisquer que sejam as circunstâncias.
Na saúde, na doença, na riqueza, na pobreza…

Mas não tem sido muito comum o caráter leal entre os humanos.
Assim como não tem sido comum o caráter de fidelidade para com Deus.

E, por se multiplicar a iniquidade, o amor se esfriará de quase todos. Mateus 24.12

Se a lealdade para com quem se vê é rara, quanto mais a fidelidade para com Quem não se vê.

De qualquer forma, seja a relação marido/mulher ou criatura/Criador há algo físico que sinaliza tal parceria. São as alianças.

Brilhante, ouro, prata, cobre ou mesmo latão, não faz diferença.
Sua importância não está no valor venal, mas no seu significado.

Uma aliança trata de parceria definitiva com a pessoa mais querida do mundo.

Alguém que, abaixo do Senhor Jesus, está acima de todas as demais pessoas deste mundo. Acima dos pais, filhos, irmãos, enfim, acima de todo o mundo.

Esse é o sentimento da sagrada aliança marido/mulher.

Assim como tem de ser o relacionamento de fé entre a criatura e o Criador.

Impossível ser feliz neste mundo sem um perfeito casamento.

Por outro lado, é impossível ter um perfeito casamento sem uma verdadeira aliança com o Senhor.

No casamento, as alianças são o sinal do compromisso firmado entre o casal.
Os dízimos e as ofertas são o sinal de compromisso do servo para com o Senhor.

Dízimos simbolizam fidelidade;
Ofertas simbolizam amor.

Fidelidade e amor, ingredientes fundamentais no relacionamento com o Senhor.

Lealdade e amor, ingredientes fundamentais no relacionamento marido e mulher.

Em outras palavras, o relacionamento marido e mulher tipifica o relacionamento entre a criatura e o Criador.

Bispo Edir Macedo
Bispo Edir Macedo

Participe! Deixe seu comentário sobre este post

Você sabia que também pode receber as mensagens do meu blog por e-mail? Preencha abaixo: