Não escolhemos vir ao mundo, mas temos o direito de escolher onde viver a eternidade.

Blog

O poder da escolha é meu, suas consequências não podem ser dos outros.

Não é justo fazer má escolha e culpar terceiros pelas más consequências.

Deus nos deu o poder de escolher o bem ou o mal, obedecer ou desobedecer.

Ninguém é perfeito, mas os obedientes perseguem a perfeição. São estes que o Espírito de Deus procura para servi-lO.

Integridade e retidão, temor a Deus e fuga do pecado têm sido virtudes encontradas no caráter dos que exalam o bom perfume do Senhor Jesus.

1 – Integridade e retidão: trata-se do caráter em relação aos semelhantes. Não é apenas dar o troco certo, mas também não desejar para os outros o que não quer para si. (Mateus 19.19)

2 – Temor a Deus: trata-se de fidelidade em relação a Deus. (Malaquias 3.8)

3 – Desvio do mal: fuga de toda forma de pecado ou injustiça. (Jó 1.1)

O que adianta fazer a Obra de Deus, e ser ou ter mau caráter? Diante de Deus, o mau caráter é como o mau hálito. Insuportável.

Se a Obra de Deus consiste em destruir as obras do diabo, como destruir as obras do diabo vivendo em parceria com ele?
Melhor é ser ou exalar o bom perfume do Senhor Jesus Cristo do que fazer perfume.

Bispo Edir Macedo
Bispo Edir Macedo

Participe! Deixe seu comentário sobre este post

Você sabia que também pode receber as mensagens do meu blog por e-mail? Preencha abaixo: