Não escolhemos vir ao mundo, mas temos o direito de escolher onde viver a eternidade.

Blog

O calendário de Deus

O ser humano faz planos de acordo com o calendário natural, que passa um dia de cada vez. Quando, por exemplo, a pessoa marca uma reunião para daqui a um mês, ela deverá esperar os 30 dias se passarem para poder então ir ao encontro marcado. Ou então, quando liga para pedir algum tipo de atendimento e recebe a resposta que só poderá ser atendida daqui a 3 meses, novamente deverá esperar passar todo o tempo determinado. Esse é o calendário humano, portanto, natural.

Porém, existe o calendário de Deus que não é natural, e nele os dias passam de forma diferente, como diz as Escrituras Sagradas:


Há, todavia, uma coisa, amados, que não deveis esquecer: que, para o Senhor, um dia é como mil anos, e mil anos, como um dia. 2 Pedro 3.8

Isso explica a Fé sacrificial que vivemos na Fogueira Santa. Aquele que crê sobe no Altar, em um dia determinado, entrega toda sua vida, se esvazia. Humanamente falando, a pessoa diminui, mas após esse dia ela começa a crescer em tudo. Vemos isso nos testemunhos, aquele que há pouco tempo tinha uma vida completamente destruída, hoje já está totalmente transformado: vida espiritual, financeira, familiar, tudo! Por isso os incrédulos dizem que é mentira, pois pelo calendário natural seria impossível tanta transformação em tão pouco tempo.

O menor virá a ser mil, e o mínimo uma nação forte; Eu, o SENHOR, ao seu tempo o farei prontamente. Isaías 60.22

O menor e o mínimo: Aqueles que se diminuem no Altar quando sacrificam.

Quando a pessoa vai para o Altar, passa a viver segundo o calendário de Deus. Dessa maneira, os dias valem mais do que mil, como diz a Bíblia:

Pois um dia nos Teus átrios vale mais que mil… Salmos 84.10

A Fogueira Santa é para isso, para uma decisão!
Afinal, você quer continuar vivendo no calendário natural ou vai viver no calendário de Deus?

Bispo Gonçalves
Colaborou: Bispo Gonçalves

Participe! Deixe seu comentário sobre este post

Você sabia que também pode receber as mensagens do meu blog por e-mail? Preencha abaixo: