Não escolhemos vir ao mundo, mas temos o direito de escolher onde viver a eternidade.

Blog

Durante toda a história da humanidade, sempre houve pessoas tementes a Deus que questionaram sobre a Sua justiça. Por que os maus enriquecem, enquanto os bons são miseráveis? Por que os desonestos conseguem sucesso, enquanto os honestos passam necessidades? Até o profeta Jeremias questionou:

Ó SENHOR Deus, se eu discutisse esse meu caso Contigo, Tu provarias que estás com a razão. Mas eu preciso te fazer algumas perguntas sobre a Tua justiça. Por que os maus ficam ricos? Por que os desonestos conseguem sucesso? Tu os plantas, e as suas raízes se firmam; eles crescem e produzem fruto. Vivem sempre falando bem de Ti, mas na verdade não se importam Contigo. Mas Tu, ó SENHOR, me conheces; Tu vês o que estou fazendo e sabes como Te amo…
Deus lhe respondeu:
— Jeremias, se você se cansa apostando corrida com os homens, como é que vai correr mais do que os cavalos?
Jeremias 12.1-5 – Bíblia linguagem de hoje.

Ou seja: Jeremias, por que você se preocupa com a miséria dos ricos perdidos, tendo a Mim como Parceiro, Aliado e Pai? Por que você insiste desfocar sua visão da Minha Grandeza e Glória para baixo? É possível apostar corrida com homens à pé, quando se tem asas como as águias?

De fato. Enquanto as pessoas de Deus focarem sua fé em coisas pequenas e insignificantes, jamais reunirão fé suficiente (coragem) para investirem em coisas grandes. Como é possível crer sinceramente no Todo-Poderoso e ao mesmo tempo projetar coisas pequenas? Essa tem sido a falta da maioria dos cristãos. É por isso que eles se perdem na miséria, invejando os maus e ricos desonestos. Querem competir com eles, quando sua condição é infinitamente maior e melhor.

O problema é que eles têm desprezado AS ASAS DA FÉ DE ÁGUIA para correrem de tênis…

Bispo Edir Macedo
Bispo Edir Macedo

Participe! Deixe seu comentário sobre este post

Você sabia que também pode receber as mensagens do meu blog por e-mail? Preencha abaixo: