isTablet() ) { ?>

Não escolhemos vir ao mundo, mas temos o direito de escolher onde viver a eternidade.

Blog

Abraão indaga a Deus se Ele destruiria a cidade havendo nela cinquenta pessoas justas, ou menos. Independentemente do número de justos, Deus disse que preservaria a cidade por amor deles.

Então viraram aqueles homens os rostos dali, e foram-se para Sodoma; mas Abraão ficou ainda em pé diante da face do Senhor.
E chegou-se Abraão, dizendo: Destruirás também o justo com o ímpio?
Se porventura houver cinquenta justos na cidade, destruirás também, e não pouparás o lugar por causa dos cinquenta justos que estão dentro dela?
Longe de Ti que faças tal coisa, que mates o justo com o ímpio; que o justo seja como o ímpio, longe de Ti. Não faria justiça o Juiz de toda a terra?
Gênesis 18.22-25

Aqui fica claro que Abraão interrogou a Deus, lembrando a Ele da Sua justiça perante os justos. Podemos ver também Abraão recordando a Deus, em outras palavras, sobre a diferença que deve haver entre o justo e o perverso, prometida por Ele.

Porém, eu gostaria de enfatizar o versículo 25 novamente, onde diz:
“Longe de Ti que faças tal coisa, que mates o justo com o ímpio; que o justo seja como o ímpio, longe de Ti. Não faria justiça o Juiz de toda a terra?”

Cada estado e país possui o seu juiz responsável, como, por exemplo, no Brasil, na Inglaterra etc. Mas, se o juiz do Brasil for para os Estados Unidos, ele não pode chegar lá e julgar uma causa. O mesmo acontece se um juiz dos Estados Unidos for para a África. Lá ele também não terá o poder de julgar nenhuma causa.

Mas Deus não. Abraão disse: Não fará justiça o juiz de TODA a Terra?. Deus é o Juiz de TODA a Terra!
Eu pergunto: você acha que Deus perde o Seu poder, de um estado para outro, ou de um país para outro? Eu te respondo: Não! Porque Ele é o Único Juiz de toda a Terra.

É Esse Juiz que estará no Altar no dia 17 de setembro, e Ele não vai permitir que você seja destruído.

Esse Juiz foi o mesmo que disse:

Mil cairão ao teu lado, e dez mil à tua direita (injustos), mas não chegará a ti. Salmo 91.7

Por isso Abraão teve uma fé petulante, ousada, aguerrida e despojada, para indagar a Deus sobre o livramento dos justos, fossem eles cinquenta, quarenta, trinta, vinte ou mesmo um justo somente.

Você que vive essa fé, meu amigo, minha amiga, é este(a) justo(a)!
Você não pode ser encontrado juntamente com os doentes; você não deve estar na fila do desemprego, na fila dos desabrigados; você não deve ser contado com os perturbados; na fila dos divorciados; você não pode estar na fila de um presídio esperando para ser revistada (o) para entrar e ver seu filho (a) que está preso (a); na fila dos necessitados que ficam na dependência da caridade de outras pessoas…

E por que você não pode ser achado nessas situações? Eu repito: porque você é este justo a quem Deus disse que livraria.

Assim como nessa passagem Deus disse que não deixaria os justos serem destruídos, eu digo a você: Deus, por amor a você, não deixará com que você seja destruído no meio das pessoas que estão perdendo tudo na vida. Ele não deixará você ser destruído e ir para o inferno com os incrédulos. Seu lugar é no céu. Não é justo que você siga a Jesus e vá para o inferno.

Então, essa Campanha da Justiça é para TODAS as áreas da sua vida.
E minha pergunta é: “Não fará justiça o Juiz de TODA a Terra?”
Ele vai descer. Onde Ele descerá? No Altar!

Descerei agora, e verei se com efeito têm praticado segundo o seu clamor, que é vindo até Mim; e se não, sabê-lo-ei. Gênesis 18.21

E quando Deus descer no Altar, Ele tem que ver o que você está fazendo, o que é justo, e aí então, Ele fará justiça na sua vida.

Bispo Edir Macedo
Bispo Edir Macedo

Participe! Deixe seu comentário sobre este post

Você sabia que também pode receber as mensagens do meu blog por e-mail? Preencha abaixo: