Não escolhemos vir ao mundo, mas temos o direito de escolher onde viver a eternidade.

Blog

Eles não foram poupados e você?


Os espíritos imundos que hoje matam, roubam e destroem as pessoas, um dia, há milhares, milhões ou bilhões de anos, sei lá, foram anjos puros, santos e fiéis ao Criador.

Foram trazidos à existência para servirem como mensageiros do Altíssimo. Viviam na Sua presença, provaram da Sua Luz e eles mesmos eram luz no Reino dos Céus.

Hoje, fadados à condição de demônios por toda a eternidade, lutam ferozmente para desviar aqueles que querem herdar o que eles perderam.

Que fizeram para perder a natureza angelical?
Pecaram. Tornaram-se rebeldes à disciplina do Reino de Deus. Por conta disso, a justiça Divina não os poupou. Lançou-os no inferno e os entregou a abismos de trevas, reservando-os para o Juízo Final.

Conclusão: se Deus não poupou os anjos rebeldes naquele tempo, poupará as pessoas rebeldes à Sua Palavra hoje?

O mesmo também se deu com a humanidade dos dias de Noé. O Senhor viu que os seres humanos haviam corrompido o seu caminho e resolveu dar cabo de toda a vida na Terra por meio do dilúvio. Dentre as milhares de pessoas, apenas Noé e sua família foram salvos.
Aquela humanidade corrupta não foi poupada, será que Ele poupará a humanidade corrupta de hoje?

“Disse o Senhor: o clamor de Sodoma e Gomorra tem-se multiplicado, e o seu pecado se tem agravado muito.” Gênesis 18.20

Tendo conferido que seus habitantes seguiam a libertinagem, andavam em suas imundas paixões carnais, ao ponto de fazerem do sexo objeto de culto, além de suas perversidades, o Senhor fez descer fogo e enxofre sobre eles, tornando-os em cinzas para exemplo de tantos quantos venham viver de forma semelhante.

Não havia lá crianças inocentes? Recém-nascidos? Animais? Ninguém escapou daquele juízo Divino, além de Ló e suas duas filhas.
Será que Ele poupará os que vivem em situação semelhante, e até pior, nos dias de hoje?

“Ora, se Deus não poupou anjos quando pecaram, antes, precipitando-os no inferno, os entregou a abismos de trevas, reservando-os para juízo; e não poupou o mundo antigo, mas preservou a Noé, pregador da justiça, e mais sete pessoas, quando fez vir o dilúvio sobre o mundo de ímpios; e, reduzindo a cinzas as cidades de Sodoma e Gomorra, ordenou-as à ruína completa, tendo-as posto como exemplo a quantos venham a viver impiamente…” 2 Pedro 2.4-6

Se o Todo-Poderoso não poupou os pecadores do passado, como escaparemos nós, se não nos arrependermos diante de tão grande salvação por Ele proposta?

Bispo Edir Macedo
Bispo Edir Macedo

Participe! Deixe seu comentário sobre este post

Você sabia que também pode receber as mensagens do meu blog por e-mail? Preencha abaixo: