Tenho votos atrasados, e agora?

postado em: Blog, Comportamento

99 comentários

83Faltam apenas 83 dias para 2014 e é claro que você não vai querer entrar no novo ano levando coisas ruins, então o que fazer com aquele monte de envelopes que você foi juntando e agora não tem como cumprir? Esse é nosso tema de hoje.

Tenho recebido no meu blog inúmeros comentários e e-mails com essa questão. Apesar de as histórias virem de várias partes do mundo, elas são bem parecidas:

“O pastor passou o envelope na fé, vi que era um propósito de Deus e peguei. Só que estou toda enrolada. Por que Deus não honrou a minha fé?”

A resposta é: porque não era fé. Provavelmente foi uma emoção que a levou a essa situação e, depois que ela passa, os envelopes e as dúvidas ficam. Mas já viu que você não é a única, né? Eu também já fiz isso e depois me senti a pessoa mais irresponsável do mundo e sem fé para cobrar o que quer que fosse de Deus (afinal, eu estava em falta com Ele e o diabo aproveitava para ficar me acusando).

Mas depois, meditando e pedindo direção a Deus, cheguei à seguinte conclusão: todos os propósitos da Igreja são de Deus, então não é por aí que devo me basear para fazer um voto, senão, eu teria que pegar todos! Obviamente não é possível participar de tudo, não só por questões financeiras, mas também para não dividir a nossa fé.

Na Universal aprendemos a focar a fé e não a dividi-la. Então, você deve estar atenta para ouvir a voz de Deus. Sempre que o pastor for falar de uma campanha, ore a Deus e peça que Ele fale com você e coloque a certeza de que você deve participar ou não. Se você tiver que deixar passar o envelope, tudo bem, não faça disso um problema e não deixe o diabo ficar lhe acusando.

Mas quando participar, viva a campanha intensamente, até o dia de entregar o envelope. Um propósito de fé não se limita a colocar uma oferta e um pedido dentro de um envelope, mas sim, de viver a fé dessa campanha dia a dia. Por exemplo: se você pegou um envelope domingo, para entregar no domingo seguinte, ore com ele todos os dias da semana, leia a passagem bíblica que inspirou aquele propósito, medite a respeito e separe a oferta o quanto antes.

Quando estiver na Igreja, ore com o seu propósito e não fique acanhada de não pegar outro enquanto não entregar aquele. Viva um propósito de cada vez, focando nele toda a sua força. Também não precisa falar para ninguém que não pegou o envelope de hoje porque já tem o de ontem… fique tranquila, ninguém tem que saber da sua fé e dos seus propósitos. Isso é entre você e Deus.

OfertaE se você tem envelopes acumulados em casa, com votos atrasados, procure o seu pastor e veja o que ele lhe orienta, mas não continue com essas pendências. Quando isso aconteceu comigo, eu juntei todos, coloquei-os num envelope grande, orei, pedi perdão a Deus pelos votos precipitados e os devolvi com uma oferta representando meu pedido de perdão. Fiquei muito aliviada e depois aprendi a lição de não ficar mais fazendo “a corrente dos envelopes” em casa!

Que tal aproveitar o final do Jejum de Daniel neste domingo para resolver esta questão?

“Quando você fizer um voto, cumpra-o sem demora, pois os tolos desagradam a Deus; cumpra o seu voto. É melhor não fazer voto do que fazer e não cumprir.” Eclesiastes 5-4,5

E se quiser mais informações sobre vida financeira, dízimo e conhecer o Desafio 2014 com Dinheiro, visite o blog Bolsa Blindada clicando aqui.

Nos vemos!

Leia também

Nenhum post encontrado com estes critérios.

Comentários (99)

comentar
  1. Laureta Salopessa Disse:

    Boa tarde
    Já fiz isso várias vezes rsos, mais graças a Deus o Pr da minha igreja pediu que fizessemos antes de começar o Jejum, sem me aperceber dei de cara com dois envelopes das minhas filhinhas, mais cumprirei todos no dia 13. Obrigada mais uma vez pelo esclarecimento

    Deixar um comentário
  2. Gabriela (Sorocaba) Disse:

    Bárbaro! Muito esclarecedor, tenho 2 anos na iurd e sempre tinha essa duvida. Pq vou qse tds os dias, então fica difícil. Minha cabeça ferveu um dia que estava cheia dos envelopes, aí pensei pq tinha pego todos eles, foi aí que em uma reunião, o pastor orientou da mesma forma que a Sra esta falando. Ufa! Agora só pego qdo vou fazer mesmo.
    Bjs
    Gabi

    Deixar um comentário
  3. Aline Sousa dos Santos Disse:

    Boa tarde! Precisamos ter equilíbrio quando se diz respeito a fé. Obviamente que a fé é sem limites, mais, a fé que agrada a Deus, é a fé racional. E enquanto a votos atrasados, não há sentimentos é necessário cumpri-los.

    Deixar um comentário
  4. Lidiane Disse:

    Oi Dona Patricia ,
    Logo que cheguei na igreja fazia isso , usava muito a emoção e aqueles pensamentos o que as pessoas vão dizer , um certo dia o Pastor pediu para quem tivesse votos atrasados colocasse em um envelope e uma oferta de fé , foi o que eu fiz , pedi perdão a Deus e agora uso a razão quando vou participar de uma campanha , aprendi que Deus se agrada de nossa sinceridade . E como a senhora falou acima , é entre Deus e eu .
    Bjo grande !

    Deixar um comentário
  5. ALICE Disse:

    ESTE POST FOI UM DOS MAIS IMPORTANTE QUE JÁ LI NESTE BLOG, POIS HÁ MUITAS …E DIGO MUITAS PESSOAS TEM MAIS ENVELOPE EM CASA DO Q NA ESTANTE DA IGREJA..RSRRS
    POIS CON ESSA ATITUDE A PESSOA ACABA SE AMARRANDO FINANCEIRAMENTE E FAZ VOTO DE TOLO…

    Deixar um comentário
  6. omaira Disse:

    buen dia Sra gracias este mensaje me ayudo mucho ya que tengo algunos sobres que no e podido cumplir por problemas economicos, Dios la bendiga

    Deixar um comentário
  7. Cláudia Disse:

    Já sofri disso rsrs. A falta de equilíbrio me fazia querer fazer todos os votos, não vivia nenhum como devia e acaba um pouco frustrada. Mas O Espírito Santo tem me ensinado isso, afinal Ele é Equilíbrio :) E quando nos organizamos e fazemos isso que a senhora disse acima, nossa fé tem qualidade, nossa consciência fica tranquila, sabendo que a resposta virá. É impressionante! :D

    Deixar um comentário
  8. MARINES Disse:

    Aprendi muito sobre os votos e propósitos.Obrigada.

    Deixar um comentário
  9. Patrícia Maciel, Gaspar- SC Disse:

    Muito legal. Muitas vezes eu fiz isso, mas hoje faço com a direção de Deus
    E prudencia.
    Bjs.

    Deixar um comentário
  10. Jackeline Silva Disse:

    Foi bom ter abordado este assunto.
    Já passei por isso também, mas peguei todos os votos atrasados e fiz uma oferta, pedindo perdão a Deus pelos votos atrasados.
    É como sentir uma leveza… Nada pode te acusar.
    Não podemos pegar por empolgação, mas por fé!

    Deixar um comentário
  11. Clarice Vieira Luiz Disse:

    Essa palavra veio na hora certa. Uma resposta às minhas orações e uma direção de Deus para eu me concertar… Tenho vários envelopes não cumpridos em casa, nao sabia o que fazer com eles. Me senti envergonhada, mas não sabia coo me concertar.
    Vou colocar esta direção em prática, e creio que Deus vai me abençoar, mais do que já tem feito!!
    Na fé.

    Deixar um comentário
  12. Sara Lucio Disse:

    Por isso não podemos bazar nossa fé na emoção e sim na inteligencia. Amei esse post, esclarece muitas dúvidas.

    Deixar um comentário
  13. daniela Disse:

    Orei tanto pedindo a Deus que Me orientasse!!

    Me Ajudou Muito.

    Deixar um comentário
  14. Lucas Silva Disse:

    Olá dna.Patricia, sei que o blog é exclusivo para mulheres, mas eu sempre acompanho pois eu acho de grande importância espiritual. Queria agradeçer a sra. pq eu sempre entendi que se eu não pegasse um envelope é pq eu não cria em Deus e estava amando mais o dinheiro que a Deus, e na minha mente vinha pensamentos do tipo: “Tá vendo! Você não pega o envelope pq vão não ama a Deus”, “Você só vai receber o Espírito Santo se der todo seu dinheiro”. De agora em diante vou fazer os votos que tiver fé de fazer e me empenhar nesses votos, ao invéz de simplesmente pegar um envelope e colocar dinheiro. Também não vou mais ficar escutando acusações do diabo.

    Deus abençoe a sra.

    Deixar um comentário
  15. Vanusa Prudente Disse:

    Eu já vivi esta situação tambem. Quando o pr passava o envelope, a minha emoção muitas vezes falava mais alto e eu achando que era fé pegava o envelope. Só que depois da reunião eu ficava frustada e pensando que eu nao tinha condiçoes de pegar aquele voto. Resultado, envelopes engavetados. Com o passar do tempo, eu comecei a enxergar que aquilo era tolice, pois me fazia ficar mal e ser acusada pelo diabo constantemente. Então, fiz meus questionamentos com Deus e Ele me explicou que cada voto tem mesmo que ser vivido e tem que ser de fé de verdade e nao por emoção. Me ensinou a não me importar em ficar mal qdo o pr passava o envelope e eu nao pegava porque pior era eu ficar com eles vazios e em casa. Bom, hoje, estou mais amadurecida na fé e vivo cada voto que faço. Todos que faço assim eu cumpro e obtenho o resultado. Hoje, sei exatamente a diferença entre viver a fé ou a emoção.

    Deixar um comentário

Deixar um comentário