Blog

Moisés, quando jejuou quarenta dias, ficou no alto do monte para se consagrar. O Senhor Jesus também fez quarenta dias de jejum, e ficou neste período isolado no deserto da Judeia. Nós, hoje, não podemos nos isolar fisicamente, não é mesmo?

Porém, podemos reservar mais do nosso tempo e da nossa atenção ao renunciarmos ao entretenimento e aos muitos prazeres lícitos que a internet pode nos oferecer para nos dedicarmos a Deus. Com este sacrifício, eu mostro para o Senhor que tenho fome e sede por Ele, mais do que qualquer outra coisa neste mundo.

Estamos vivendo dias em que a dependência das redes sociais, dos sites e dos blogs têm sido tão grandes que a comida pode ser tirada da pessoa, mas jamais o celular dela!

Parece que o celular e a internet para alguns se tornaram a extensão do seu corpo.

Vale ressaltar que, na vida espiritual, os parâmetros e as leis são diferentes da vida terrena. Quanto mais eu me alimento de Deus, mais fome eu tenho dEle. Quanto menos eu vou a Ele, menos vontade ou apetite eu tenho para o que é celestial.

Além disso, a vida espiritual supera a vida terrena, como por exemplo: a medicina diz que uma pessoa que se alimenta só de legumes estará fadada a ficar fraca e debilitada fisicamente. Porém, Daniel e seus amigos na Babilônia, para não se contaminarem com as iguarias do rei, principalmente as carnes, que eram normalmente sacrificadas aos ídolos, abriram mão de se alimentar delas. Ao final dessa abstinência, eles estavam mais fortes que todos os outros que comeram de tudo. Como se explica isso?

A fé tem um poder extraordinário, por isso, use este propósito como um grande aliado ao seu crescimento espiritual e abstenha-se de tudo que rouba de você o que é eterno e valioso.

Aguardo você na próxima semana! Até lá! 🙂

Beautiful lady relaxing

 

Colaborou: Núbia Siqueira

Participe! Deixe seu comentário sobre este post