Blog

Email-MarketingUma das ferramentas mais formidáveis que inventaram foi a internet. Lembro-me que um professor de informática me disse, vários anos atrás que, no futuro, iríamos enviar cartas eletrônicas via computador e que, além de chegarem ao seu destinatário segundos depois, ainda por cima seria de graça.

Na época achei o cara um tremendo maluco, mas o futuro chegou e tive que engolir o quiabo, quer dizer, engolir minha ignorância. Explico sobre o quiabo: é que o nome do professor era Losquiavo, mas claro que eu o apelidei de “Los-quiabo”. E quando ele pegava no meu pé virava “Los-diabo”. Sim, eu era uma peste, mas Deus é poderoso! Vamos então saber um pouquinho sobre como enviar e-mails mais eficientes.

Assinatura

Antes de qualquer coisa: e-mail sem assinatura é e-mail de ninguém. Tenha sua assinatura já gravada no seu programa de e-mails para agilizar seu dia-a-dia. Uma assinatura eficiente traz seu nome completo, seus telefones (fixo e celular) sempre com o DDD e o site da sua empresa, se for o caso. Não é necessário ter o endereço fixo com CEP, nem muitos detalhes além dos citados.

Evite aquelas animações com macaquinhos voando entre borboletas e sapos saltando na lagoa. Além de parecer que você enviou o e-mail do jardim de infância, fica difícil se concentrar na leitura com aquelas coisas pulando. Nada de bicho!

Assunto

Escolha muito bem o assunto, pois é ele que vai resumir o tema do seu e-mail. Tente ser o mais clara e objetiva possível. Outra dica é escolher um título que se sobressaia entre as outras dúzias de e-mails que recebemos por dia. Evite coisas como: “Oiê”, “Contato”, “Para fulana” etc. Prefira alguma coisa que vai chamar a atenção da pessoa. Use sua criatividade com bom senso!

E-mails curtos

Se você precisa marcar uma reunião com várias pessoas, facilite a vida de todos e mande um e-mail para o grupo inteiro usando o recurso Cc. (com cópia). Seja breve, mas não deixe de citar informações importantes. Várias vezes recebi e-mails sem assunto e com textos parecidos com este:

“Oi, gostaria de marcar uma reunião com você, vamos combinar. Alê.”

E aí eu fico a pensar: reunião sobre o quê? Quando? Será urgente? Será para a semana que vem? Quem é Alê? É homem ou mulher? Trabalha onde? Será que esse e-mail era mesmo para mim? Que confusão! Veja abaixo um exemplo de e-mail breve, porém completo:

Assunto: Reunião de condomínio

Bom dia a todos,

Gostaria de agendar uma reunião para tratarmos sobre o uso das vagas de garagem do 1º subsolo. Sugiro a próxima quarta-feira, dia 8, às 20h ou o sábado, 11, às 18h.

Peço que cada um responda a este e-mail até amanhã, votando na data mais conveniente (não é necessário copiar os outros moradores). Firmada a data, colocaremos um aviso em nosso mural localizado no térreo e nos elevadores. Quem não puder comparecer, favor enviar procurador ou justificar a ausência conforme o regimento do condomínio.

Obrigado.

José Manoel

Síndico

Foi claro e objetivo. Além de ter todas as informações, o síndico previu que se todos copiassem o grupo inteiro ao responder, seria uma chuva de e-mails (previu o problema e já remediou). Se antecipou à pergunta: “como vou saber que data ganhou?”, ao dizer que colocará no mural e nos elevadores. Também se antecipou ao mencionar como os ausentes devem proceder. Além do síndico ter colaborado para o entendimento dos moradores, ele colaborou consigo mesmo, já que não vai ter que ficar respondendo perguntas o dia todo.

E-mails longos

Neste caso é importante usar algumas técnicas que irão facilitar a leitura do(s) seu(s) destinatário(s).

* Escolha da tipologia – prefira escolher tipos (letras) serifados para textos mais longos. Serifas são os tracinhos no final das letras. Veja o quadro.

Screen Shot 2013-05-03 at 6.25.38 PM

Os textos com tipos serifados são indicados para textos maiores porque nossos olhos leem palavras inteiras e não letra por letra. Esses tracinhos atuam como guias, pois parecem formar um traço contínuo unindo as palavras e formando um texto mais uniforme. Já para textos curtos, use as sem serifa (ou sans-serif), pois elas destacam mais cada palavra individualmente.

* Classifique – divida o texto em tópicos para não ficar um bloco muito grande e único. A cada divisão, procure dar um subtítulo para que a pessoa possa se localizar mais rápido se precisar voltar no texto.

Como este post já está bem grandinho, vou parando por aqui. Semana que vem teremos o último desta série sobre comunicação.

Nos vemos!

Colaborou: Patricia Lages

Participe! Deixe seu comentário sobre este post

  • Vera Dias

    Muito legal querida Patricia.
    Obrigada por dividir esse conteúdo.
    Aprendi.
    Beijo

  • Bruna Breda

    Amei as dicas, agora vou saber fazer um bom e-mail. Obrigada Pat!

  • silei moura da silva

    Muito bom,aprendi! rs

  • Pati Monteiro

    Muito obrigada Pati,também tenho aprendido muito com você.

    • Patricia Lages

      E eu aprendo com vocês. Os comentários ajudam muito. Obrigada!

  • Sebastian - Argentina

    Demais! nao sabia q o serifado ajuda a leitura! e ja ja vou colocar a assinatura no meu e-mail… rs
    Aprendí! Muito bom!

    • Patricia Lages

      Está arrasando no Português, Sebastian!!

  • Talytha Cardoso

    Olá Paty, é importante ressaltar também , que é indispensável o aviso prévio de envio de anexos, caso seja necessário.
    Fora outras dicas de envio de mensagens via e-mail ou até mesmo sms, o uso correto da pontução , pode nos ajudar ou fazer com que sejamos mal interpretados.
    Observo bastante quanto ao uso do ponto de exclamação(!), ele as vezes dá a impressão de que você está gritando com a pessoa. É interessante us-alo da maneira correta, você não acha?
    Suas dicas tem me ajudado bastante.

    bjus!!! 8*

    • Patricia Lages

      A pontuação é imprescindível para todo tipo de escrita, pois pode realmente mudar muito o sentido do que queremos dizer. Quanto ao ponto de exclamação tb devemos ter cuidado para não parecer uma bronca… rs…rs… Beijos!

  • Diane

    Patricia, suas dicas são preciosas!

    Estou aprendendo e amando cada post!

    Abraços

    • Patricia Lages

      Obrigada, querida! Beijos

  • Diane

    Patrícia!

    Sua dicas são preciosas, estou aprendendo e apreciando cada post.

    Abraços

  • Cricelia Ramos-Goiania

    Ola!! Bom Dia!! Patricia, Adorei a dica!! Mais o apelido do professor vai ficar pra Historia viu..rsrsrsrs…..

    • Patricia Lages

      Não conta pra ninguém!! hehehe…

  • Daniele

    Nossa muito interessante, eu sou uma que tenho dificuldade em ser objetiva mas me esforço o máximo.

    • Patricia Lages

      Essa tb é minha luta, Daniele…

      • Bom dia amei a sua colocação .

        Grato
        Dejailson leite

  • Libni Sueha

    Adoraria que todas as pessoas do universo soubessem disso !
    Já coloquei em xeque a qualidade do serviço em questão apenas pelo email disaster que
    recebi. Tenho certeza que não sou a única e sei que muitos perdem boas
    oportunidades por isso!

    E a listinha continua:
    Nunca use a fonte Comic Sans, não ponha em negrito ou italico todo o texto, nem use o “internetês” (pq, vc, p, cm…), letras coloridas jamais …

    Ah, se eu fosse o síndico teria mandado o email em Cco ( Cópia Contato Oculto ), assim ele evitaria o problema da chuva de email… Fica a dica, Cco é ideal pra mandar emails
    em massa sem parecer um chato. Haha E quase ninguém usa esse recurso brilhante !

    A sensação que a pessoa tem ao abrir é de que é de seu interesse.
    A rejeição por parte do leitor é zero. Ele realmente lê!
    Mas o contrário também é válido, quando eu vejo tantos contatos me lembro daquelas
    correntes … Nem leio!

    Pat amo seus posts 🙂
    Beijinho!

    • Patricia Lages

      A qualidade do conteúdo do e-mail é importantíssima. Já vi ótimos profissionais não pegarem um trabalho porque mandaram um e-mail totalmente bagunçado e mal escrito para o cliente… Então aqui também podemos usar o ditado: não basta ser bom, tem que parecer bom.

  • Dany

    Paty!! Que legal! Amo aprender. Nunca desconfiei que “sans-serif” é sem serifa. Aliás eu nunca soube que “serifa” existia. Obrigada por me trazer algo novo e interessante, pois para e-mails longos vc está recomendando o uso de letras serifadas como a Times New Roman, certo? Vou testar para ver a diferença!! Amei! bjos Dany

    • Patricia Lages

      Isso mesmo, Dany. A Times é serifada e ótima para textos maiores.
      Hoje em dia temos que saber também qual o melhor recurso ótico a ser usado, pois ele faz toda diferença! Beijinhos

  • “Sim, eu era uma peste, mas Deus é poderoso! ” kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk ô Glória !

    A dica para e-mail longo é novidade pra mim. Vou coloca-la em prática 🙂

  • Shirle - Vila Mariana

    Ótimas dicas Pati,
    Eu por exemplo quando recebo um email e vejo um texto imenso…ihhhhh dá até dor de cabeça!!! Então sempre procuro ser o mais objetiva quando escrevo, assim a pessoa irá se interessar em ler e não será um fardo…E os bichinhos Pati…realmente ninguém merece. rsrsrs
    Amei todas as dicas e irei colocar em prática :))

    Beijinhos

    • Patricia Lages

      Nada de bicho!! rs…rs…

  • Leila

    Bom dia, Patricia!
    Meu trabalho exige muito o uso de e-mails, certa vez uma cliente fez uma reclamação de que eu havia dado um prazo à compra que ela fez sem comunicá-la mas, eu havia mandado um e-mail pedidindo que ela me confirmasse o tal prazo e, ela confirmou via e-mail. Quando mandei o e-mail que ela me enviou, ela, ficou sem graça e já mudou o tom de voz ao telefone e disse que respondeu sem lê, e olha que o texto todo eram só duas linhas.
    As vezes nos empenhamos em ser claros e quem está do outro lado não dá a mínima, e acaba passando vergonha e até sendo incoveniente!

    Estou amando essa série pois me ajuda muito!!

    beijos
    Leila

    • Patricia Lages

      Oi, Leila! Já aconteceu isso comigo tb, mas o bom é que eu tb tinha um e-mail do cliente aceitando as condições. Saber documentar pode nos tirar de uma fria! Bjs