Blog

 

Eu já sabia disso, mas gostaria de ouvir que vai dar certo, pra eu ir fundo nessa relação.

Fui pedir orientação, então, para uma amiga da minha igreja. Ela disse a mesma coisa. Fiquei muito decepcionada.

O tempo foi passando e as coisas foram ficando sérias. Eu não conseguia mais controlar os meus sentimentos, minha vontade era de gritar para todo o mundo que eu o amava e ele a mim, e que iríamos namorar.

Ele era tão compreensivo comigo que estando eu no dilema todo, disse que iria me esperar, porque me amava.

Será que ninguém entende isso, ele me ama. Está me esperando. Eu não posso perder minha felicidade por causa de ninguém. Se as pessoas não acreditam nesse relacionamento eu acredito. E tenho aprendido que a fé move montanhas, então tudo eu posso.

Ele sabia que eu era evangélica, por isso me respeitava muito, não me deu nenhum beijo enquanto não começamos a namorar. Sim, porque agora estou mais ou menos namorando. Quero dizer: eu e ele sabemos disso, mas ninguém sabe dessa história, nem a Claudinha, que é minha amiga.

Disse a ele para ir à igreja comigo, assim, ninguém poderia falar nada. Ele seria da mesma denominação que eu. Que mal haverá nisso? Eu sei que ninguém acredita que pode dar certo, mas eu creio e acabou.

Léo sempre muito simpático com todo o mundo, fez amizades com meus amigos na igreja e se tornou popular até lá. Eu gostei da ideia, pois ninguém falaria mais nada. Estava comigo o tempo todo. Seu olhar penetrante me cativava a cada segundo. Eu acordava e dormia pensando nele… ‘Léo, minha cara metade…’

Três meses se passaram e assumimos o nosso amor em meio a todos. Minha mãe não aceitou, mas disse que se essa era a minha decisão, então tudo bem. Sempre dizendo que ele era mais novo e blá blá blá, eu não aguentava mais isso. Sempre a mesma coisa!

O nosso namoro foi rápido, casamos em 7 meses.

Ah, tudo foi lindo! A cerimonia, a decoração, as madrinhas… Todas com vestidos longo, meu casamento foi um sonho. Fizemos a festa em uma casa em frente a praia… a festa e a benção, sim pois achei que ficaria melhor fazer tudo junto e não na igreja. Os parentes do Léo não gostavam muito disso, então melhor não contrariar ninguém. Afinal é bom viver em paz enquanto depender de nós com todos os homens, ( risos ) está escrito…  Eu sempre disse que daria certo e continuo dizendo, pois acredito realmente no nosso amor.

-*-

Dois meses após o meu lindo casamento, acordei cedo no domingo, como de costume, chamei meu amado Léo para irmos à igreja.

– Amor, está na hora, vamos levantar?

– Hoje eu não vou, vá você. Semana que vem eu vou, estou muito cansado.

Achei aquilo um pouco estranho; mas também, coitado, devia estar cansado mesmo, já que no dia anterior fomos a um churrasco na casa da Maria: era aniversário dela. Eu também estava cansada, mas deveria fazer minha obrigação pela manhã de domingo.

Quando voltei para casa, ele não estava. Fui para a cozinha preparar o almoço.

O dia se passou, almocei sozinha, a comida nem teve muito sabor.  Chegou a tarde e Léo ainda não havia voltado. Liguei para ele, porém não atendeu, fiquei preocupada. Fui até a casa de sua mãe, talvez estivesse lá. E realmente estava lá. Fiquei aliviada. Cheguei perto, dei-lhe um beijo. Ele não retribuiu, novamente fiquei preocupada. Fui até o quintal onde sua família estava e, para minha surpresa, encontrei Carla, sua ex-namorada –com quem namorara durante um ano. Meu coração se estremeceu, havia algo errado.

Parece que mulher tem o sexto sentido, sabe quando algo não vai bem e minha sogra nem para me avisar. Fui bem tratada por ela, mas pelo menos poderia ter me telefonado…

Capítulo 3

Méuri Luiza

Colaborou: Meuri Luiza

Participe! Deixe seu comentário sobre este post

  • Tania Simao M'Biavanga

    eu amo a maneira que as historias sao contadas com anticipacçao e misterios… E me sinto muito connectada com a personagem porque sao factos reais…. Obrigada Indira e thank you Sr Meuri…

  • Regina Maria Rocha

    Estou adorando sua hestória,é bom estar deixando essa expectativa para proxima.

  • Micaela

    Buen dia, yo quiero ver que sigue.. esta muy buena esta historia beijos Dios la bendiga…!!

    • Meuri

      Dios te bendiga Micaela.

      • Micaela

        Dios la bendiga mas a usted Meuri ,,Beijos!

  • Nethelyn

    Sua historia são demais 😉 que Deus abençoe tanta inspiração.

    • Meuri

      Deus te abençoe Nethelyn.

  • Vitoria Faria

    Ai ai ai…
    e o pior e que a pessoa cega usa ate a palavra de Deus para se convencer que esta certo…
    e agora vem as consequencias…

    • Meuri

      Isso é uma grande verdade Vitória.

  • Kezia

    Nossa, Analú com certeza não gostou do que viu mais o que será que tem por trás dos belos olhos de seu marido?
    Beijinhos dona Méuri

    • Meuri

      Beijos Kezia, Deus te abençoe.

  • Mareangela Santos Cachoeirinha RS

    Eu adoro suas histórias!!! Elas parecem reais!

    • Meuri

      Olá Mareangela, as histórias são fictícias, porém baseadas em vidas reais. Deus te abençoe.

  • Lesli

    Opa, parece que a Analú, vai ter surpresas desagradaveis….alias ja esta a ter!
    Mas espero que ela tenha forças para continuar na Fé!

    Bj D. Méuri

    • Meuri

      Essa história mostra realmente isso Lesli, o quanto a pessoa usa ou não a fé diante de um problema. Deus te abençoe.

  • Thais Ferreirs

    Adoro essas histórias a cada semana que passa ficam mais interessantes, nao vejo a hora de chegar a proxima terça feira…

    • Meuri

      Até terça feira Thais

  • Ester - PT

    Bom dia D. Méuri ,
    Amo mesmo suas histórias , já li a da Marina e a da Christy, tenho acompanhado todas, e esta tambem esta muito boa, como todas as outras!! Parabens, a senhora termina sempre nas partes mais emocionantes… rsrrsrsrsr 🙂 Bj
    Na fé!

    • Meuri

      Fico feliz com isso Ester. Deus te abençoe.