Blog

Um dia fiz uma extravagância! Passei em frente a uma loja de calçados pra ver se tinha um “sapato beeeem baratinho”… Para minha surpresa, havia vários pares do meu número, 33/34, que é bem difícil de achar. Claro que não estavam em promoção, mas eram tão lindos….

Eu não tinha previsto comprar sapatos naquele mês, mas acabei saindo da loja com três sacolas contendo quase R$ 1.000,00 em preciosos sapatos salto 15, que tanto colaboram para driblar minha pouca altura. No caminho para o trabalho fui pensando em como mostrar minhas aquisições para o meu marido sem que ele se aborrecesse. Ele não é do tipo que controla minhas compras, mas mesmo assim não estava me sentindo muito bem por ter feito compras sem falar nada com ele. Eu tinha que bolar um plano! A maioria das mulheres utiliza a técnica do “conta-gotas”, que é esconder as compras e ir mostrando aos pouquinhos. Outras usam a técnica da “distração masculina”, que consiste em torcer para que o marido não perceba que elas estão com algo novo. Mas particularmente não sou adepta de nenhuma delas, então, eu precisava de uma ideia original.

Já no trabalho, vi que minhas unhas não estava lá essas coisas, então pensei em marcar hora na manicure. E foi aí que surgiu a ideia salvadora do meu orçamento! Aqui perto de casa o serviço de manicure custa R$ 25,00 e pedicure R$ 40,00. Considerando que eu fazia a mão toda semana e o pé uma vez ao mês, meu gasto mensal era de R$ 140,00. Então resolvi que a manicure iria pagar a conta dos meus sapatos! Não seria tão simples, pois eu teria que abolir o salão por 7 meses, mas por outro lado, meu marido não iria se aborrecer e minha conta bancária não sofreria nenhum estrago.

Acabei me acostumando a fazer as unhas eu mesma e raramente vou ao salão. Isso já faz mais de um ano e, além de ter pago aqueles sapatos, com essa economia ainda pude comprar outras coisas mais.

Veja: a ideia aqui não é iniciar a campanha “abaixo o salão de beleza”, nada disso! Quem já morou em outros países sabe o quanto as nossas manicures são excelentes. Arrisco dizer que são as melhores do mundo. Mas o conceito é equilibrar as contas. Se você se deu alguns luxos sem ter tido um aumento no orçamento, o ideal é sacrificar outros, assim a sua conta não entra no vermelho. Você prioriza uma coisa e sacrifica um pouquinho nas outras que podem ficar em segundo plano. O que não dá é querer tudo de uma vez e colocar a conta para o cheque especial pagar. O banco vai lucrar muito e vai até incentivá-la a fazer isso, mas logo logo você vai ver que sair dessa armadilha dos juros é muito pior do que fazer suas próprias unhas!

A tarefa desta semana é: anotar todos os seus gastos que vencerão ainda este mês e em janeiro. Coloque de um lado do papel tudo o que você já gastou e do outro o que está previsto gastar. Em seguida, analise o que pode ser cortado para equilibrar as contas. Sua conta bancária vai agradecer esse carinho!

Beijinhos

Patricia Lages

Colaborou: Patricia Lages

Participe! Deixe seu comentário sobre este post

  • Idelmária

    Uau!
    Muito boa essa saída hein, realmente seria muito difícil eu ter uma ideia dessas, vou seguir o conselho e praticar, espero ter minhas histórias tb! rs

  • Luana

    Olha, essa dica valeu em muito para mim, estava pagando a manicue e pedicure mensalmente tbm, porque queria me livrar dessa tarefa aos fins de semana por conta do trabalho e da faculdade, mas vou fazer uma forcinha para colocar essa mega dica em prática!

  • Christina Moura

    Eu poderia comprar uma sapataria inteira que meu marido nem notaria.
    Mas valeu e muito a dica.
    Abraço carinhoso.
    Chris/Acre

  • ÉRIKA (Emirados árabes)

    Para Gisele, Gisele mande um e-mail para o contato acima do lado do EXTRAS, que Dna Cris ou alguma conselheira vai entrar em contato para te orientar com maior carinho!

  • camila nova granada sp

    olha Dna Patricia,seus posts estão me ajudando,pois já gastei demais esse ano e acahva que estava tudo bem,mas tres dias atras meu marido me disse que estamos praticamente falidos,e que eu gastava além do que eu podia,e do que ele podia me dar,eu fiquei triste,mas vi que era verdade,pense bem:eu comprei 400,00 de calçados pra familia toda,quase 1.200,00 em roupas pra todos também,300.00 no mercado,sem contar as bijuterias e alguns acessórios que deram na base de uns 300,00 também,ou seja eu sozinha fiz 2.000,00 em contas,já estou pagando e já estão diminuindo,mas fiquei triste pois ele nunca me disse nada,gostaria de receber mais posts seus,pois estão me ajudando,ontem mesmo fiz uma lista do que devo,uma lista correta de compras de mercado,fiz uma lista do que tenho que pagar mes que vem,e por incrivel que pareça,está dando certo,voce é demais,DEUS a abençoe cada dia mais.

    • Patricia Lages

      Fico feliz com o seu comentário, Camila! Ano que vem tenho certeza de que vc não terá esse tipo de problema. Bjs

  • Patrick

    kraca, 140 por mês por causa de pés e unhas, q bom q n sou mulher O.o

    • Patricia Lages

      Pois é, Patrick… Mulher tem cada uma!!! Rs…Rs….

  • Sandra do Mexico

    É verdade, quando aprendemos essas preciosas liçoes percebemos que podemos equilibrar nossa economia tomando iniciativas praticas e inteligentes que no final das contas nos trará muitos beneficios!! Amei…

  • Gislaine

    OK!!!

  • valeria

    gostei da dica.rs brigada

  • Susana Lourenço

    Ola eu tenho este habito de arranjar as minhas unhas já desde adolescente e com a prática cada vez vai ficando melhor. Todos me perguntam onde arranjo as unhas… lol bjs

  • Elanda Gonçalves Mariano

    HUUUN GOSTEI MUITO DESSA IDEIA, POIS EU TENHO TENHO 17 ANOS E GASTO MUIIITOOO MESMO VOU FAZER ISSO E VER O RESULTADO NO ANO QUE VEM. OBRIGADA

  • gisele

    POR FAVOR ME AJUDEM NO MEU CASAMENTO, ELE ESTA POR UM FIO

    • Patricia Lages

      Oi, Gisele

      Mande uma mensagem para a Escola do Amor, pois lá vc poderá ser orientada, ok? Bjs

  • caique

    vc continua linda como sempre

  • Michelangela

    Nossa essa foi muito boa mesmo!

  • Nossa mutíssimo útil para aquelas que as vezes extrapolam!
    Valeu a dica d.Patricia!