Não escolhemos vir ao mundo, mas temos o direito de escolher onde viver a eternidade.

Blog

“Me cortava para aliviar a dor dos meus problemas. Via nos cortes um refúgio para a dor e vazio que tinha, pois, enquanto me cortava, me esquecia de tudo o que estava passando.

Porém, na Vigília dos Escolhidos do Força Jovem Universal, eu reconheci que não preciso disso e que Deus me ama. Percebi o quanto sou valiosa para Ele. O céu desceu sobre mim!”

mutilacao2

Bispo Marcello Brayner
Colaborou: Bispo Marcello Brayner

Participe! Deixe seu comentário sobre este post

Você sabia que também pode receber as mensagens do meu blog por e-mail? Preencha abaixo: