Não escolhemos vir ao mundo, mas temos o direito de escolher onde viver a eternidade.

Blog

Planejado por Davi e construído por seu filho Salomão, o primeiro templo foi destruído pelo rei Nabucodonosor, que levou o povo judeu cativo para a Babilônia

Motivo de orgulho para povo de Israel até hoje, o Primeiro Templo, planejado pelo rei Davi e erguido por Salomão, seu filho, foi dilapidado, saqueado e destruído até em seus alicerces. Todo cuidado na construção, que contou com técnicas avançadas para a época, não valeram de nada no momento em que o povo de Deus se equivocou com relação à grandiosa obra, afastando-se do verdadeiro criador. A corrupção e a idolatria dos israelitas fizeram com que a Palavra de Deus não voltasse atrás, levando o povo judeu a ser derrotado pelos babilônios, sob o comando do rei Nabucodonosor, em 586 a.C.

No momento em que o próprio Templo passou a ser o centro das atenções, e não o Deus Todo Poderoso para quem ele havia sido erguido, não restou pedra sobre pedra dele e nem da cidade de Jerusalém. Mais uma vez, como no passado, os judeus eram subjugados por outra nação.

Segundo o arqueólogo Rodrigo Silva – encarregado do Museu de Arqueologia Bíblica Paulo Bork –, naquela ocasião, criou-se o que ele chama de ‘burocracia religiosa/espiritual’. “Enquanto no Tabernáculo os fiéis conversavam diretamente com os sacerdotes, no grande Templo de Salomão as ofertas e sacrifícios passavam por várias pessoas até chegarem às autoridades eclesiásticas. O problema foi que o povo passou a idolatrar o santuário, que era apenas um símbolo, esquecendo-se do que ele realmente simbolizava”, explica.

Estudiosos acreditam que essa burocracia espiritual foi responsável pela produção de tanta idolatria. Muitos judeus, mesmo sabendo que o correto era levar seus sacrifícios até o Templo, preferiam prostrar-se diante de ídolos produzidos por mãos humanas, por estes estarem fisicamente mais perto deles.

Desde a ideia inicial da construção do Templo, Deus procurou demonstrar ao homem o que esperava dele. Isso pode ser observado no fato de Ele não ter permitido que o rei Davi construísse o grande santuário, segundo estudiosos, devido aos erros que ele havia cometido. “O senhor dos Exércitos queria que Davi entendesse que, mais do que habitar em um templo, Ele queria habitar no coração do homem. Isso mostra o quanto é preciso cuidado para que as coisas de Deus não tomem o lugar que Lhe pertence. Ele não divide Sua glória com ninguém”, ressalta o arqueólogo.

Silva acredita que a suntuosidade sem benção levou o povo à desgraça. “De certa forma, Deus permitiu que Nabucodonosor destruísse o Templo, para que os judeus entendessem as consequências de se desprezar a Sua Lei”, afirma.

A impressão que se tem é a de que passou a haver uma elitização do que antes era simples, diz o arqueólogo: “O Templo era muito suntuoso, mas tinha a mesma formação interna e divisões do Tabernáculo, que nunca fora destruído, mesmo tendo enfrentado os filisteus, os amonitas, amorreus, entre outros inimigos.”

A Arca da Aliança, elemento do Templo que nunca era aberto, e que chegou a ser raptado do Tabernáculo por algum tempo, desapareceu na ocasião da destruição. Dentro dela estavam as tábuas com os 10 mandamentos escritos pelo próprio Deus, entregues a Moisés.

Os judeus e o cativeiro na Babilônia

Após a destruição do Templo, os judeus foram levados cativos para a Babilônia. De acordo com Silva, a maioria deles ficou bem acomodada no cativeiro. Estrategicamente, os babilônios misturavam a população judia com outros povos, para que, dessa forma, a nação se enfraquecesse.

No cativeiro surgiram dois tipos básicos de judeus. Uma maioria, em tese, que havia deixado de ser judia, tornando-se cidadãos da grande Babilônia; e uma minoria que mantinha as tradições. O profeta Daniel fazia parte desse segundo grupo.

Quando a Babilônia foi destruída pelos persas, em 538 A.C., o rei Ciro subiu ao poder, permitindo que os judeus voltassem para Jerusalém. A questão é que somente alguns quiseram voltar. A maior parte decidiu permanecer onde estava, por não ter mais raízes com a terra natal.

Aqueles que não retornaram para Jerusalém se limitavam a mandar os dízimos para lá, indo visitar a Cidade Santa esporadicamente, quando eram realizadas festas religiosas. Em virtude disso, surgiram duas vertentes de judeus: os liberais e os conservadores.

Na ausência do Templo, os judeus conservadores criaram as sinagogas, que existem até os dias de hoje. Nesses locais, que não têm os mesmos aspectos do grande santuário ou do Tabernáculo, são realizadas apenas algumas cerimônias religiosas. No entanto, os judeus não oferecem sacrifícios ali, pois entendem que isso só pode ser feito no Templo.

Quando destruiu o Primeiro Templo, O rei Nabucodonosor levou para a Babilônia todos os despojos, incluindo os elementos sagrados. Alguns judeus acreditam que todos esses objetos foram refeitos no momento em que foi erguido o segundo Templo, sob o comando de Zorobabel. Outros afirmam que quando os persas autorizaram o retorno dos israelitas para Jerusalém, eles também devolveram esses despojos. Nenhuma dessas teses, entretanto, foi comprovada.

Veja também:

Templo de Salomão
Tabernáculos, a Arca e o desejo de Davi de construir o Templo
Reunião de Lançamento da Pedra Fundamental
Milagre do Templo
Judeus e cristãos unidos na construção do Templo
O Templo
Notícia da construção repercute pelo mundo
Projeto do Templo da IURD
Suor, sangue e lágrimas
Lançamento da pedra fundamental do Templo – Fotos

Bispo Edir Macedo
Bispo Edir Macedo

Participe! Deixe seu comentário sobre este post

  • angélica f silva

    Obrigado bispo por esclarecer imformacoes sobre o templo de salomao daquela epoca.e estou muit o feliz pela esta obra magnífica e gloriosa e que o senhor ta construindo pra glória do nosso Deus.e tenho certeza que o extraordinário vai acontecer na vida de todos que crer .e que Deus abençoe o senhor e sua grandemente.e na vida daqueles que estao ajudando nessa obra

  • jaqueline felix

    que deus abençoe todos que estao fazendo parte dessa obra maravilhosa e eu sei que essa obra esta por vir e nao vai demorar pq deus esta ajudando muito bjs .

  • nati

    bispo, quero mto e oro sempre para q o segundo templo seja construido logo!. NA FÉ sempre!!!

  • Leonardo oliveira

    Bispo o nosso Deus todo poderoso ja provou sua grandeza vamos em frente ate o fim pois o que Deus tem preparado para nos e maravilhoso Deus abençoe a todos que fazem parte desta maravilhosa obra.

  • claudio lopes rodrigues

    São estas atitudes que o senhor bispo macedo está tomando que irão fazer deferença na manifestação da fé racional, pois a construção do templo de DEUS representa o que existe de mais extraordinário na fé dos cristãos.

  • Geneci Guilharva

    BISPO MACEDO, ORO SEMPRE PARA QUE DEUS CONTINE LHE ABENÇOANDO JUNTAMENTE COM SUA FAMÍLIA, LHE DANDO FÉ E INTREPIDEZ PARA NOS ALERTAR DESSES PROFETAS VELHOSSSSSSS!!!!!!

  • Geneci Guilharva

    ORO SEMPRE PARA QUE DEUS CONTINE LHE DANDO INSPIRAÇÃO, FÉ, CORAGEM E DETERMINAÇÃO!!!!

  • Geneci Guilharva

    BISPO EDIR MACEDO, ORO PARA QUE DEUS CONTINUE LHE INSPIRANDO A CADA DIA E LHE DANDO FORÇAS FÉ E PERSEVERANÇAAAA!!!!

  • Carmem Tenorio

    Olá Bispo!
    Deus preparou esse povo, os judeus, para Ele. Eles, porém, viviam sempre desobedecendo a Deus, e por esse motivo, viviam sofrendo. Mesmo assim, acontece hoje em dia, são muitas às pessoas que ouvem a Palavra de DEUS e, no entanto, continuam fazendo as coisas que desagradam a Ele. Pense! Como este mundo seria maravilhoso se todos seguissem a Voz do Mestre! Mas… Deus preparou o Bispo Macedo para construir essa grande maravilha, que com certeza irá ganhar muitas almas para o Reino de DEUS. São muitos, os que estão sonhando com a conclusão dessa obra, a fim de conhecê-la. Eu mesma, não vejo a hora! Que Deus abençoe a todos!

  • Magno Melo Pena

    Muito bem, lembrado bispo, nós não cometeremos os mesmos erros que foram cometidos outrora, temos que aprender com os erros também, o MAIOR TEMPLO de Deus está dentro dos que são convertidos de verdade, o templo do Espírito Santo.

  • nivaldo

    olá bispo,quem for sábio será muito abençoado com a costrução desse templo ,não esquecendo que toda glória pertence a Deus um abraço!

  • Carmen.

    Mensagem muito bonita!:)

  • Valdir Trindade

    ASSIM COMO PENSEI SE SUCEDERÁ E COMO DETERMINEI SE EFETUARÁ, NA FÉ E SEMPRE!

  • Juliane Cristina Bieda

    Deus não aceita ficar em segundo lugar em nossas vidas! Se não O honramos como deveria, Ele também não nos abençoa como esperamos e pedimos.

    Deus o abençoe.

  • Adriana

    Vejo que a construção do Templo no Brasil é para a gloria do nosso Deus, mas não devemos deixar de observar “O senhor dos Exércitos queria que Davi entendesse que, mais do que habitar em um templo, Ele queria habitar no coração do homem, estamos lutando com todas as forças para que Deus nos dê condições de patrocinar esta obra magnífica, mas sempre observando que o nosso coração deve estar totalmente voltado para Deus.

  • Adriana Furtado

    Vejo que a construção do Templo no Brasil é para a gloria do nosso Deus, mas não devemos deixar de observar “O senhor dos Exércitos queria que Davi entendesse que, mais do que habitar em um templo, Ele queria habitar no coração do homem, estamos lutando com todas as forças para que Deus nos dê condições de patrocinar esta obra magnífica, mas sempre observando que o nosso coração deve estar totalmente voltado para Deus.

  • Regina Idelmar Uchoa Jorge

    Muito bom final de semana Bispo com muitas realizações para todos nós, repleto de bênçãos tb. e DEUS vai derramar bênção sem medidas para os que realmente estão nessa fé para a construção do templo, fika com Deus amigo querido na fé.

  • Ana Beatriz

    Amém.
    Deus É maior que todas as coisas…
    Deus abençoe a todos

  • J.Ronaldo

    Tenho certeza que Deus abençoará o Brasil por construir esse Templo.

    Ele já tem abençoado. O povo já está entendendo a importância dos dízimos e ofertas.

    Mas temos que ter cuidado. Para não cair no mesmo erro dos judeus.

  • Ana Cristina

    Olá, bispo.
    Isto é prova que o nosso DEUS é forte.

  • jorge francisco

    Bispo,
    bom dia.

    Refletindo nestas palavras, vejo o quanto se repete a desobediência do povo
    que “serve” ao Deus todo poderoso.
    E aí vejo que os pastores da Igreja Universal terão que estar muito atentos ao menor sinal de que alguns adorem mais o templo do que o Grande Deus.
    Esperemos que uma benção destas ( o templo) não se transforme em maldição na vida de alguns.
    Na fé.
    Na guerra.
    E no amor.

  • Robson Alves

    Bp haja vista que estamos prestes, mais uma vez, a entrarmos para a história do mundo, é notório que a força Universal que vai ser colocada na construçao desse templo, requer muito empenho de nós, membros desse corpo.
    Que DEUS nos dê Inspiraçao e condição para patrocinar essa OBRA.

    DEUS o abençoe meu querido Bp Macedo.

  • Cristiane Rosa de Oliveira - Londres

    DEUS nosso PAI, sempre tera que ser o numero 1º nossa vida.

    Bispo, Sábio Homem de Deus, Obrigado por nos ensinar cada dia mais e mais sobre coisas maravilhosas de que não sabíamos antes, eu fico muito feliz em aprender com um Homem humilde e simples que compartilha com todos nos seu saber.
    Obrigado, eu tenho um grande carinho por Vc meu amigo e sempre oro por ti e sua familia.

  • Lucy Medeiros-MS

    É bispo, trazendo para os nossos dias hoje, a CONSTRUÇÃO DO TEMPLO, será um MARCO NA HISTÓRIA, e uma OPORTUNIDADE para todos nós, mais, nunca nos esquecermos que o NOSSO CORAÇÃO que é o TEMPLO de fato e de verdade de NOSSO SENHOR E SALVADOR!!! Quanto a idolatria, temos que estar vigilantes, por que a OBRA é MARAVILHOSA, então, vamos estar sempre com as lamparinas CHEIAS, e sempre ATENTOS para não deixarmos nos envolver. Muito esclarecedor tudo o que nos ensina hoje. Obrigada. Na fé sempre.

  • Kelly Carvalho

    Bom Dia Bispo, estou muito feliz e ansiosa para ver este templo construído, cada dia que passa é uma expectativa maior, mas como aprendemos aqui devemos colocar o nosso Deus acima de qualquer coisa, afinal este templo é para honra e glória do nosso Senhor Jesus Cristo.
    Deus abençõe o senhor Bispo cada vez mais!
    Sempre na Fé!

  • Anderson Rocha - Fortaleza, CE

    E vem ai o templo de Salomão. Quem diria que de um coreto viesse a um templo dessa magnitude? Realmente coisas de Deus são maravilosas e principalmente inexplicáveis. Deus abençoe a todos.

  • Jorge

    Caro Bispo!

    Muita edificante a mensagem, tanto do ponto de vista espiritual como intelectual. Com certeza não devemos pôr as bênçãos que Deus nos dá acima dEle ou senão nos serão tiradas.
    Deus abençoe o senhor e a IURD sempre!!
    Abraço

  • Neuza Lasso Ortiz

    Boa noite Bispo! O que eu entendo é que não podemos nos afastar do verdadeiro Deus; Criador de tudo. Foi o que aconteceu com os dois Templos daquela época (me corrija se eu estiver errada). O mesmo não pode acontecer com o nosso Templo de Salomão que está sendo construido aqui em SP. Vamos orar e vigiar e buscar sempre a direção de DEUS. Que o Senhor Jesus Cristo te ilumine, Bispo Macedo…

  • Paula (brás)

    Bp.o q chamou a atenção foi 2 frases:
    O povo passou a idolatrar o santuário q era apenas um símbolo,esquecendo-se do q ele realmente simbolizava.”Queria q Davi entendesse q, mais do q habitar em um templo, Ele queria habitar no coração do homem. Isso mostra o quanto é preciso cuidado para que as coisas de Deus não tomem o lugar que Lhe pertence. Ele não divide Sua glória com ninguém.”É para nós pensarmos e refletirmos q não aconteça o mesmo q ocorreu no passado! Q Deus abençõe o Sr. Bp.!!

  • Everton

    Muito boa a “aula”.Isso serve para mostrar que devemos colocar Deus em 1º lugar sempre.Não devemos olhar para os grandes templos e sim para o “Foco” que é Deus!

  • Teresa Cristina M. de Carvalho- BAHIA

    É MUITO FORTE BISPO MACEDO. QUEM É DE DEUS, PODE ACONTECER O QUE FOR, DEUS NÃO DESISTE DA PESSOA, OU SEJA, DOS SEUS ESCOLHIDOS. LOUVADO E ENGRANDECIDO SEJA O NOSSO DEUS, HOJE E SEMPRE.

Você sabia que também pode receber as mensagens do meu blog por e-mail? Preencha abaixo: